Memória Pioneiro-Rodrigo Lopes- Rumo ao litoral


Pé na tábua rumo ao litoral

24 de janeiro de 20152
Foto: Reno Mancuso, acervo pessoal de Renan Carlos Mancuso, divulgação
A família Mancuso prestes a embarcar para a praia de Santa Terezinha, em 1948. Foto: Reno Mancuso, acervo pessoal de Renan Carlos Mancuso, divulgação
Se hoje muita gente reclama da lentidão ou do engarrafamento da Rota do Sol em certos trechos e datas específicas, alguns registros das primeiras décadas do século passado podem servir de consolo.
Até meados dos anos 1950, rumar ao Litoral Norte era uma verdadeira aventura. Desfrutar do mar muitas vezes durava dias – ir num dia e voltar no outro, então, era algo impensável. Estradas, se existiam, eram ruins – e, além dos cavalos do motor, talvez você precisasse de uma junta de bois para desatolar o carro, como na foto mais abaixo, feita em 1930, em Capão da Canoa.
Foto: banco de dados/Agência RBS
Anos 1930 em Capão: reboque à tração animal. Foto: banco de dados/Agência RBS
Da Serra para as areias
Ônibus apinhados de moradores da Serra também enfrentavam percalços pelo caminho, desde motores superaquecidos até rodas afundadas em meio ao areião.
De Caxias do Sul, a família do fotógrafo Reno Mancuso era assídua da praia de Santa Terezinha. Na foto ao lado, aproximadamente de 1948, vemos parte dos Mancuso prestes a embarcar em um ônibus do antigo Expresso Hoffmann.
Renan Carlos Mancuso, um dos filhos de Reno, ajudou na identificação das pessoas. Entre elas, as tias Eva Prates Bennemann e Carmela Mancuso e a mãe, Talitha Prates Mancuso, com o filho Reno (mesmo nome do pai), ao lado do motorista. Entre as crianças, dois dos irmãos de Renan, Domingos (que recebeu o nome do avô) e Sergio. Ao centro, Maria Bennemam, sogra de Eva, com o pequeno Paulo Roberto Prates Bennemann.
Confira um vídeo da família Mancuso em Torres em meados dos anos 1950 clicando AQUI.
Foto: acervo pessoal de Renan Carlos Mancuso, divulgação
Piquenique em São Giácomo: a família Mancuso curte o interior no início dos anos 1950. Foto: acervo pessoal de Renan Carlos Mancuso, divulgação
Pelo interior
No verão, além das viagens ao litoral, os Mancuso costumavam realizar piqueniques pelo interior. Ao centro, um registro na localidade de São Giácomo, no início dos anos 1950.
Na imagem vemos, entre outros, os casais Rômulo e Malvina Mancuso, Ildo e Dulce Baldi, Ciro e Yna Mancuso, Reno e Thalita Prates Mancuso, Carmela e Ezidio Pisamiglo, e Caetano e Benilda Mancuso.Também as vovós Cecília Fonini Mancuso e Marieta Conceição Prates.
Entre as crianças, os irmãos Domingos Mancuso Neto, Reninho Mancuso e Sergio Prates Mancuso; Vinicius e Ricardo Ramos Baldi, além de Nelson Mancuso e Emerson Baldi.
Veraneio nos anos 1930: a partir da esquerda, Victório Diligenti, João Vial, um senhor não identificado (careca), José Dal Prá, João Nicoletti e Guerino Rigon (à frente). Foto: acervo pessoal de Celina Dal Prá, divulgação
Veraneio nos anos 1930: a partir da esquerda, Victório Diligenti, João Vial, um senhor não identificado (careca), José Dal Prá, João Nicoletti e Guerino Rigon (à frente). Foto: acervo pessoal de Celina Dal Prá, divulgação
Fotos no Jornal do Almoço
A RBS TV Caxias convida os telespectadores para compartilhar fotos de antigos verões. Após uma seleção, os registros serão exibidos durante o Jornal do Almoço. Basta se cadastrar na globo.com e mandar sua imagem de família clicando no menu à esquerda “vc no G1”. Não esqueça de colocar também o nome e o local onde ela foi tirada.
Leia mais sobre as antigas viagens dos moradores da Serra para o litoral clicando AQUI.

Comentários (2)

  • Fernando Pivoto diz:25 de janeiro de 2015
    Somos “lamurientos” em demasia hoje em dia. Os que nos antecederam foram bravos e viam as dificuldades com total naturalidade, e até se divertiam com elas. Hoje, uma “tropa” de queixosos de plantão.
  • Maria diz:25 de janeiro de 2015
    Apesar da falta de asfalto, não deixavam de ir e se divertir muito. Era tanta aventura que todos eram magros(ver fotos), agora é tudo no conforto, o mais difícil e pegar um ônibus semi-leito com ar condicionado a bordo, por isso somos gordos e carrancudos.

Envie Seu Comentário