Clemente Mancuso



Clemente Mancuso era o segundo filho mais velho de Domingos Mancuso.  Clemente e Reno foram os únicos dois filhos de Domingos a trabalharem profissionalmente com fotografia. Clemente, na década de 1930 passou a residir na cidade de Vacaria e lá abriu um estúdio fotográfico, também com o nome Foto Mancuso. Durante três décadas Clemente reuniu um vasto acervo fotográfico da cidade de Vacaria, mantendo a mesma tradição e qualidade das fotografias de seu pai, Domingos.  Clemente, tal como seu pai, também não gostava muito de produzir fotos em estúdio, preferia usar cenário e luz naturais, dessa forma tirou uma infinidade de fotografias da cidade de Vacaria, suas fazendas e campos. No início da década de 1960 Clemente ficou gravemente doente e teve que fazer tratamento médico em Caxias do Sul, morrendo pouco tempo depois, em 1963. Durante o período em que Clemente esteve em tratamento em Caxias,  seu estúdio em Vacaria foi arrombado e teve todo seu equipamento e acervo fotográfico roubados e se perdendo assim, um grande acervo fotográfico da história de Vacaria.